Seguidores

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2008

REGRAS DE AMOR

Não olhe a direita, nem à esquerda.
Não se importe com as opiniões alheias.
Não se envergonhe de ajudar.
Não seja pessimista em nenhuma situação.
Não estenda a mão analisando a mão que te oferecem.
Não se imagine superior a ninguém.
Não te aflijas com os valores errados da sociedade.
Não deixe de fazer o que teu pensamento te pede.
Seja alerta, prudente, caridoso e verdadeiro.
Siga as leis da tua consciência e não as da sociedade.
Seja “gente” em todo sentido bom da palavra.
Esqueça as ofensas, mas lembre-se sempre dos favores recebidos, com muito carinho.
Olhe o lado bom dos seus irmãos e feche os olhos para o mau lado de cada um.
Use o dom da fala para dissipar erros, injustiças, mas com amor, sem humilhar e sem tentar parecer melhor que os outros.
Melhor é calar-se a por um irmão em situação difícil.
O sorriso deve estar presente a todos os seus atos, quando não nos lábios devem estar em seus olhos.
Use, use constantemente estas pequenas regras e verás como tua vida será sempre repleta de sorrisos, de amor, de carinho e fé.



Ditado por João de Albuquerque
Psicografado por Luconi
em 22-06-1980.

Nenhum comentário:

Postar um comentário