Seguidores

domingo, 28 de março de 2010

ÀS VEZES É MELHOR SER ANÔNIMO




Dizem que fui santo, que igual será difícil existir, lembram de mim como o exemplo da humildade, da caridade, do amor, do desprendimento, e mais outras tantas qualidades que já nem consigo enumerar, só estas que já citei me tornam rubro de vergonha, não sabem o quanto pesa nos meus ombros esta imagem que têm de mim.

Ora bolas, não fui santo, fui humilde sim, mas tantas vezes esta humildade vinha com certa relutância, tantas vezes me sentia cansado e só por amor ao Pai e por ter uma enorme consciência de dever é que conformado me dedicava a minha missão. 


A minha fé era enorme, assim eu achava, hoje sei que se fosse do tamanho de uma semente de mostarda tantos feitos em prol do próximo e da humanidade teria realizado.
Tinha por obrigação ter fé, acreditar, afinal eu via e não só o mundo espiritual ao meu redor como também me transportava para lugares e épocas, e então via acontecimentos passados em eras passadas.


Ora se eu não acreditasse teria que admitir que era louco, sabia que há quem muito se dá muito será pedido, então a mim muito conhecimento era mostrado.

Portador de dívidas imensas, tinha mais que por obrigação resgatá-las, o senso de dever sempre eu tive, perdoar os que me perseguiam, não era um dom não, sempre havia o Mestre querido que me lembrava às vezes que magoei as pessoas com minha ignorância, com meu orgulho, com minha radicalidade em outras eras.

Portanto perdoar era uma de minhas metas, conseguir perdoar sem guardar mágoa, entender que aquele que a mim atingia era apenas um irmão necessitado de amparo, e que muitas vezes este irmão necessitado de amparo tinha dívidas bem menores que as minhas em relação ao passado de outras vidas.

Respeito à vida, esta foi a minha primeira lição, aprender a respeitar a todo tipo de ser vivente na Terra, quantas vezes o meu ímpeto não era de exterminar certos tipos de animais, como certos insetos, mas na minha frente aparecia um grande dedo fazendo um sinal, não, não, só em último caso.

Não era o dedo de nenhum espírito não, era o de minha consciência, bem, além disso, fui muito bem assessorado, havia um irmão que não me abandonava, quando não estava próximo no plano terrestre, estava ligado a mim de tal forma, que estivesse fazendo o que fosse e aonde fosse sentia que eu ia derrapar, logo se apresentava.


 Este irmão quando eu lhe agradeci a ajuda por ter me assessorado em minha jornada, abraçando-o já com as lágrimas a molhar meu rosto, ele sorriu e com toda humildade simplesmente disse: 
Se você derrapasse, se de repente abandonasse a sua missão, o que eu acho impossível, pois bem sei da evolução que já tinhas, quando tomou a resolução de voltar a terra para resgatar aqueles débitos especiais, mas se houvesse a mínima chance de derrota sua, me diga como eu cumpriria a minha missão.

Sim meu amigo, a minha missão dependia exclusivamente da sua, nós fizemos toda a programação juntos, e muitas vezes até eu tinha pena ao ver-te cansado, caluniado, mas não poderia de demonstrar. Sabia sim que deveria de dar bons chacoalhões, para que não desistisse, este foi um dos seus mais fortes pedidos antes de reencarnar.


 Dizeste-me: amigo se vires que alguma doença da alma, teimar em me dominar, faça de tudo, o que for preciso, mas não permita que eu volte derrotado.
Claro que nesta luta não estive sozinho, claro que houve outros que muito te auxiliaram, conhecidos antigos seu, também foram trazidos espíritos que não conhecias, mas que precisavam de bom canal para cumprirem a sua missão, muita coisa foi aproveitada, ou seja conforme aparecia a oportunidade outros espíritos iam se engajando.

Portanto não me agradeça, nos agradeçamos, pois cada um de nós fez o melhor que pode, um precisava do outro, e quando você desencarnou, suspirei fundo, olhei para o infinito e disse Obrigada Pai, por ter permitido que dois espíritos tão devedores, pudessem ter a oportunidade de resgatar senão tudo, mas uma grande parte de suas dívidas.

Portanto amigo missão cumprida, agora vamos ao trabalho, existe muito por aqui, não pense que estamos de férias não, o Mestre Jesus até hoje não descansou nem pregou os olhos, portanto quem somos nós para fazê-lo.

Sim este era ele, esta a sua personalidade, forte, brincalhão, mas vi quando as lágrimas também molhavam suas faces, e ele dizia são de alegria.

Portanto meus irmãos, não quero santidade, não quero, existe tantos que são anônimos e suas luzes reluzem tanto que chego a ter que abaixar os olhos para que a luz que emanam não me cegue, nem imaginem quantos todos anônimos, conseguiram a evolução através de penosas encarnações terrestres, nem seus descendentes deles se lembram, então porque haverão de querer santificar um só, quando há tantos, depois isto não é ser santo, é apenas caminhar de encontro a evolução, é o curso natural das coisas e se nesta fui canal para tantos conhecimentos serem levados para a humanidade, em outra bem distante, destruí grande cabedal de conhecimento, levando a humanidade para a obscuridade. 


Sem contar outras tantas que não dava o mínimo valor ao conhecimento, atravancando o caminho de quem queria obtê-lo.

Bem vim para pedir isto, talvez demore para terem conhecimento desta psicografia, escolhi um aparelho anônimo, que não está ligada a nenhuma federação, centro, ou qualquer outra organização, trabalha sozinha. Mesmo sabendo que ela ficará em dúvida do que fazer com este, mas sei que aos poucos tudo se resolverá, paciência é uma das qualidades que tentei aprimorar na carne, mas acho que ainda preciso treinar mais.

Parece que terei problemas para assinar, ela realmente gosta do anonimato, foi um dos fatos que nos aproximou, mas verei se posso por enquanto usar um pseudônimo, não quero criar embaraços a ninguém.

Um grande abraço a todos que lerem, não estou pedindo para esquecerem a obra, não a obra é para ser lembrada, peço que apenas tenham em mim um irmão na caminhada da evolução, como vocês o são.

Ditado por
Irmão da Paz
psicografado por Luconi
em 25-03-10

8 comentários:

  1. Que linda mensagem ,Luconi!Perdão, respeito à tudo e todosé fundamental.Um beijo e linda nova semana,chica

    ResponderExcluir
  2. Oi amiga. Que bom que voltou. Hoje estou aqui para falar de Páscoa. Páscoa significa renascimento. Desejo que neste dia, em que nós cristãos, comemoramos o seu renascimento para a vida eterna, possamos renascer também em nossos corações. Beijos e obrigada pela amizade.

    ResponderExcluir
  3. Luconi, é um prazer recebe-la.
    Meu abraço fraterno e ótima semana.
    Bjs.
    Transfiguração

    Seu rosto resplandece
    Ilumina, e acalma.
    Transfigura, reflete
    No espírito e na alma

    Seu Amor e ternura
    É absoluto e total
    Glória sublime devota
    Soberano e real

    Seus cabelos alvos
    Seu rosto angelical
    Observa os humanos
    Com ardor excepcional

    Mistério dos mistérios
    Fogo Eterno imortal

    ResponderExcluir
  4. Vamos fazer nossa parte da melhor maneira possível, paz.

    ResponderExcluir
  5. Bom dia.
    Que linda mensagem. boa para levarmos esta semana na nossa bagagemd e mão.
    Então, já preparou a sua pegadinha? O dia 1º de abril está chegando.
    FOI DESSE JEITO QUE EU OUVI DIZER... deseja uma boa semana para você.
    Beijo grande.
    Saudações Educacionais !
    http://www.silnunesprof.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Luconi, sequer tenho palavras para expressar a felicidade de ler-te neste instante.
    Que maravilha os caminhos que Deus nos destina, para que tropecemos com as verdade infinitas.
    Grande relato mais que verdadeiro e consciente de nossas travessia, tão longa, mas tão necessárias perante os desígnios de Deus.
    Seres errantes que somos, tudo se mostra ao brilho quando nos aquieta a alma a nos dizer, foi sofrida a caminhada, mas valeu a pena, quando no fim de cada estrada podemos encontrar o nosso pote de ouro, de surpresas na alegria com que sentimos as ondas balsamizantes a nos gratificar pelo alívio do dever cumprido.
    Parabéns por essa tarefa magnífica de levar ao seus leitores tamanha prova de Fé no compromisso das almas que se propõem a dedicação entre o lá e cá, nas palavras divinas.
    Deus te abençoe o dia minha querida.
    Estava com saudade de ti, que bom que estais de volta. A blogosfera é um momento prestimoso, oxalá que pudesse ser constante, mas outros afazeres nos chama para o concluir da travessia.
    Um beijo grande em tua alma

    Bom Dia!
    Livinha

    ResponderExcluir
  7. Feliz este espirito que conseguiu contar com a presença atuante do seu mentor ,que mantinha estendida as mãos ao seu protegido.
    Quando um espirito avança e alcança os objetivos primeiros da doação do amor na superação da dor, benditos se tornam tambem os que acreditaram e permaneceram a ele ligado.
    Só podemos agradecer sempre a este PAI de amor que nos renova como flor , prontos para um mundo melhor perfumar.
    Bom retorno amiga LU ,na sua seara de amor.
    beijos mil....

    ResponderExcluir
  8. Lindo relato,que nos ensina a praticarmos a humildade de forma simples e sem engrandecimentos em prol de nós mesmos,neste mundo onde o engrandecimento pessoal é tão valorizado,que eu possa aprender a ser humilde também.assim seja

    ResponderExcluir