Seguidores

quinta-feira, 16 de fevereiro de 2012

INDIGENTES



No céu destas terras benditas,
ecoa no horizonte,
o grito desta gente,
que labuta noite dia,
por um pedaço de chão,
um naco de pão,
um pedaço de pano,
para cobrir a nudez do corpo.


É o exército de indigentes,
que pernoitam pelas ruas,
embaixo das marquises,
 debaixo das pontes,
de dia são caminhantes,
que perambulam sem rumo,
sem nenhuma esperança,
as portas se fecham quando passam,
transeuntes o rosto viram,
outros a rua atravessam,
não ver preferem,
noutro mundo vivem,
de certo os indigentes
são outro tipo de gente,
que nada sentem,
nem dores, nem fome, nem sede,
não sonham, não amam,
apenas pela vida passam,
invisíveis aos favorecidos da sorte,
que seus animais acariciam
e a eles chutam,
para fora de suas vidas,
de suas vistas,
de suas preocupações,
e quanto muito,
atiram-lhe uma moeda,
para calar a consciência,
ou para fazer média.


Pois, que seus gritos
tomem proporções gigantescas
e incomodem o sono,
de quem dorme em aconchego,
que façam o chão tremer,
se tornem o pesadelo,
pois mais cedo ou mais tarde,
o chicote do remorso,
irá retalhar a alma,
de todos que ignoraram,
o chamado de suas consciências,
podendo aliviar o sofrimento de muitos,
simplesmente preferiram,
virar o rosto para o outro lado.


ditado por Mulato
psicografado por Luconi
em 14-02-2012

7 comentários:

  1. É UM GRITO ESTRIDENTE TENTANDO DESPERTAR AS CONCIENCIAS QUE ADORMECEM DIANTE DA POBREZA OU MISÉRIA DA VIDA DESTA PÓBRE GENTE QUE VEGETA
    PELAS RUAS E CALÇADAS COMO LIXO ABANDONADO
    SENDO NEGADO O DIREITO DE CIDADANIA RESPEITO
    HUMANIDADE,E ASSIM AS VEZES SÃO ENCONTRADOS JA SEM VIDA PELO ABANDONO EM QUE SÃO ESQUECIDOS,E CADA QUAL QUE PELA VIDA OU PELO REMORSO É COBRADO DIRÁ EU NÃO POSSO FAZER NADA NÃO COMPETE A MIM!!!NÃO SERÁ ESTE POBRE UM IRMÃO NOSSO
    JA TERÁ POR VENTURA ESTE ESPIRITO EM OUTROS TEMPOS SIDO UM NOSSO PAI FILHO OU IRMÃO
    QUEM PODERÁ SABER,ACHO POR DEMAIS TRISTE QUE UM CORAÇÃO NÃO SE COMPADEÇA EM VER OS QUADROS QUE A VIDA NOS MOSTRA,LINDA MENSAGEM DE HUMANIDADE QUE ESTE IRMÃO NOS ENVIA PARABENS QUERIDA POR COMPARTILHAR SUA POST UM ABRAÇO MARLENE

    ResponderExcluir
  2. Querida Luconi, não me é possível ler este texto sem derramar algumas lágrimas, pois minha sensibilidade é mais forte do que eu...não consigo controlar! Me toca fundo no coração saber que há tantos irmãos nossos nesta situação, sem lar, sem rumo, sem amor...sabe-se lá se em outra vida, um desses irmãos que nos passam desapercebido pelas ruas, não nos foi um ente querido, ou um amigo muito caro...Em todas as situações, Deus nos reserva oportunidades valiosas...
    Desejo que você tenha um maravilhoso feriado, repleto de luz e paz!!
    Beijos no coração!♥
    Mari

    ResponderExcluir
  3. Amiga!
    Às vezes, me pergunto se algum dia eles deixarão de existir, mas chego à conclusão de que é muito difícil. A tendência é aumentar infelizmente.
    Beijocas, ser iluminado!!!!!

    ResponderExcluir
  4. Querida Amiga..
    Hoje chego a muitas conclusões que antes era apenas pergunta
    hoje aqui encontrei a resposta.
    Abençoada seja sua vida muita luz e muita paz no momento de escrever
    reserve esses momentos tão importantes para se dedicar a escrita daqueles que escolheu você .
    Louvo a Deus por conhecer uma alma iluminada pela luz divina amada você sabe nada faço sem estar de comum acordo comigo.
    Eu preciso da sua ajuda sempre você veio para me ajudar a dar continuidade na minha missão aqui na terra.
    Lindo Domingo beijos da sua irmã de coração.
    Evanir

    ResponderExcluir
  5. Luconi,que maravilhosa e comovente msg!Sempre algo a aprender por aqui!bjs,

    ResponderExcluir
  6. Olá,querida Luconi
    Quantas vezes temos indigentes perto de nós!!!
    Outras tantas nos sentimos um (a)...
    A vida tem muito disparate e Deus nos livre de males maiores...
    Bjm de paz e bem

    ResponderExcluir