Seguidores

terça-feira, 28 de abril de 2015

MAL DA HUMANIDADE





Um mundo tão repleto de gente e ao mesmo tempo tão solitário, nunca se viu tanta solidão no interior do ser humano.


Riem, brincam, conversam e é tudo tão superficial, os verdadeiros sentimentos estão guardados a sete chaves e na maioria das vezes nem eles mesmos os conhecem.


Medo de demonstrar fraqueza, desconfiança em relação àqueles que convivem, medo de julgamentos ou então apenas orgulho.


O ser humano está cada vez mais só, não compartilham suas alegrias e muitas vezes nem as reconhecem, pois há muito não conseguem visualizar as verdadeiras alegrias da vida.


Compartilhar alegria não é sair contando a todos isto ou aquilo, mas demonstrar a sua alegria no olhar, no abraço, nas palavras carinhosas, nos pequenos gestos, atitudes que vão espalhando esta energia de felicidade, de satisfação e grande bem faz a todos que com ela tem contato.


Mas parece que o ser humano se esqueceu das verdadeiras alegrias, se esqueceu de como é bom estar bem consigo mesmo e com todos a sua volta, se esqueceu como a paz interna é importante e levá-la ao seu exterior e estendê-la para um irmão mais importante ainda.


Não o ser humano se isola, camufla sentimentos, tem vergonha de abraçar um irmão, de sorrir para alguém, de falar de sua fé.


Ah! bons tempos quando falar de Jesus era motivo de horas de boa conversa, abraçar a todo irmão e mostrar-lhe o caminho era uma satisfação, foi-se o tempo, o homem se modernizou, voltou-se para a materialidade, e de repente o próximo ficou tão distante e muitos se envergonham de falar de Jesus outros ao ouvir falar Dele se enfadam.


É triste humanidade, que não tem tempo, que é tão moderna, que é tão sábia e que consegue dormir enquanto tantos gemem de frio, de fome, doentes do corpo e da alma.


Quando conseguirão finalmente visualizar o mal que a consome?


Abafaram o amor fraterno, distorceram e só quando o recuperarem é que a humanidade doente conseguirá se emergir e sentir o calor da Luz Divina.

Fiquem na paz de Cristo.




ditado por Áspargos
psicografado por Luconi
em 12-04-2015

3 comentários:

  1. Nada mais verdadeira que essa mensagem que toca em todos os pontos que afligem a modernidade... Tantos problemas, que por vezes elas nem se dão conta! Triste! bjs, chica e bom te ver!

    ResponderExcluir
  2. Grandes verdades, amiga Luconi. Um abraço daqui do sul do Brasil. Tenhas um lindo dia.

    ResponderExcluir
  3. O mundo está mais frio e mais triste.
    Às vezes a gente procura alguém querendo partilhar algo bom, e não acha. Parece que as pessoas só querem partilhar fofocas e intrigas, e só desejam competir umas com as outras.
    abraços e bom feriado!

    ResponderExcluir