Seguidores

sábado, 14 de julho de 2018

O QUE IMPORTA NA RELIGIÃO?







Quão triste é chegar-se a uma casa espírita e ali se deparar com posturas preconceituosas, preconcebidas ou então com irmãos que se acham os donos da verdade ou pior que isso pois julgam que a verdade que aprenderam não só é a única como também todos os mistérios por ela foram desvendados e mais nada de novo tem-se a aprender.

Infelizmente irmãos com as atitudes acima encontramos em todas religiões, entre elas também as religiões cristãs inclusive na doutrina espírita.

Não que não seja triste esta postura noutras religiões, é triste da mesma forma, porque todas foram beneficiadas com grandes avatares que cumpriram sua missão, o seu papel, dentro de cada uma. Mas rapidamente o ser humano distorceu os ensinamentos deixados para satisfazer o seu próprio ego, raros são os que têm dentro de si estes ensinamentos na sua pureza original.

Todas elas sem exceção pregaram, ensinaram, semearam o amor entre todos irmãos, nenhuma delas ensinou o ódio, a separação por modo de pensar diferente. E todas elas seus avatares deixaram a porta aberta para novos ensinamentos, nenhum colocou o ponto final. Sempre existe a reticências, porque como Jesus não pode falar abertamente sobre as verdades Divinas devido ao estágio de evolução que a humanidade estava, da mesma forma ocorreu nas outras. Só que poucos se lembram que novas revelações podem surgir, simplesmente se apegam ao velho colocando um ponto final e ficando surdos para qualquer fato novo ou revelação nova.

Os espíritas também preferiram se fechar, tendo os ensinamentos de Kardec como o ponto final. Mas na verdade quando são preconceituosos e radicais simplesmente não seguem os ensinamentos de Cristo e consequentemente não seguem o de Kardec que baseou a sua obra nos ensinamentos cristãos.

Com isto o bem que fazem estendendo a mão a irmãos sofredores é perdido pelo mal que fazem com sua radicalidade e arrogância velada, que afastam muitos irmãos necessitados só de amor.

Pois não há mal neste mundo que não se resolva quando o amor sincero entra em ação. Ninguém é superior a ninguém, cada qual está vivenciando a religião que lhe foi designada antes do reencarne, é nesta religião que está seu suporte, seu aprendizado nesta vida, se durante o seu percurso decidir mudar de religião é por que onde estava já vivenciou o que precisava e agora necessita de outro aprendizado. Mas jamais será porque sua religião está errada.

Cada religião traz em si o mistério Divino, todas elas têm a proteção do Altíssimo e cada uma traz consigo verdades incontestáveis, dentro do que foi possível revelar. Se todas se ajuntassem e conseguissem reunir todas suas pequenas verdades incontestáveis estariam muito próximo da verdade maior.

Nada é o acaso, nada existe por existir, tudo tem a Mão Divina, que em sua Benevolência dá a cada um o alimento que sacia a sua alma no momento breve da reencarnação.


Ditado pelo Irmão da Paz
Psicografado por Luconi

em 06-07-18

Um comentário: